hortaAs hortas das Aldeias de Portugal em Terras de Santa Maria começam por esta altura a “embelezarem-se”, prontas a receber os participantes do ciclo de eventos-âncora do projecto Há Festa na Aldeia, que arranca dia 14 de Junho em Vilarinho de S. Roque.

O workshop “A minha horta é um jardim” – promovido pela Associação de Desenvolvimento Rural Integrado das Terras de Santa Maria (ADRITEM) no âmbito do “Há Festa na Aldeia” – destina-se a valorizar pequenos espaços agrícolas e públicos, estimulando o ordenamento, estética e até a introdução de novas sementeiras e plantações, bem como a reciclagem e valorização de recursos da terra.

A segunda edição desta acção é apoiada por uma engenheira agrónoma e uma decoradora de jardins – proprietária da “Emotion Jardine” – e visa garantir o envolvimento da população na decoração e ambientação da aldeia.

Queremos valorizar os pequenos espaços agrícolas dos habitantes das aldeias, estimulando o ordenamento, estética e até a introdução de novas sementeiras e plantações”, afirma a coordenadora da ADRITEM, Teresa Pouzada, salientando o “envolvimento da população local nesta iniciativa que fortalece, sem dúvida, a dimensão deste projecto que se tem revelado uma importante estratégia para a preservação da identidade local, despertando o sentimento de pertença”.

“Há Festa na Aldeia” é um projecto pioneiro de desenvolvimento do território, criando um novo foco de atractividade em espaços rurais com características próprias – Areja, Couce, Porto Carvoeiro, Ul e Vilarinho de S. Roque, precisamente as cinco “Aldeias de Portugal” em Terras de Santa Maria.

Promovido pela ADRITEM – em parceria com os municípios de Albergaria-a-Velha, Gondomar, Oliveira de Azeméis, Santa Maria da Feira e Valongo -, o projecto financiado pelo Programa de Desenvolvimento Rural (PRODER) propõe o envolvimento activo da população estimulando os usos e costumes, as tradições culturais e a gastronomia.