82654-bloco2bde2besquerda_001O Presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, Emídio Sousa, lamentou a intenção do Governo de encerrar duas repartições de finanças no concelho.

Para dar ainda mais eco à sua lamentação, até ordenou que a mesma fosse publicada no site da Câmara Municipal, onde se lê que Emídio Sousa, considerou “lamentável” o eventual encerramento das repartições de Finanças de Lobão e de Paços de Brandão.

O Bloco de Esquerda também lamenta a situação, mas lamenta acima de tudo a forma como o PSD e a Câmara Municipal foram aceitando e sendo cúmplices destes encerramentos.

Lamentamos que a Câmara Municipal e o PSD tenham chumbado as moções do Bloco de Esquerda contra o encerramento destas repartições de Finanças e lamentamos ainda que o Presidente da Câmara tenha ignorado os alertas do Bloco de Esquerda.

Porque para defender a população não basta vir com lamentos e palavras ocas.

Lembramo-nos bem que apresentamos, por duas vezes, documentos na Assembleia Municipal a repudiar e a contestar a intenção do Governo de encerrar as repartições de Finanças de Lobão e de Paços de Brandão. Pelas duas vezes, tanto o PSD como a Câmara Municipal negaram existir tal situação e chumbaram as moções do Bloco de Esquerda.

Agora dizem que lamentam, mas com a sua atitude foram cúmplices com o Governo. Caso que não é de estranhar, uma vez que o PSD de Santa Maria da Feira sempre foi cúmplice do Governo PSD/CDS em todas as malfeitorias que este faz ao concelho e aos feirenses.

Lamentamos que o concelho de Santa Maria da Feira não tenha uma Câmara Municipal à sua altura e que seja capaz de defender os seus interesses. Esse é o lamento óbvio de toda esta situação.

O Presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, Emídio Sousa, chega sempre atrasado, quando é para defender os interesses dos feirenses.

Bloco de Esquerda Santa Maria da Feira